A carta

Todas as cartas de amor são Ridiculas. Não seriam cartas de amor se não fossem Ridiculas...

segunda-feira, março 28, 2005

A TUA ESSÊNCIA

Não te amo mais.
Estarei mentindo se disser que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho a certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Não significas nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais...

Obs: Agora lê de baixo para cima. Pura arte...
Obrigado Inês Pica (cascavél, vibora, anaconda, megera,etc) por me teres arranjado este poema :p